Desocupados que passaram por aqui

segunda-feira, abril 18, 2011

Game of Thrones: Caaaraaaca, mermão!



Sumi, né? Mil desculpas.

Os últimos 3 (ou 4?) textos eu escrevi tudo num dia só, num intervalo de 5 horas, e acho que após tamanho frenesi criativo minha mente entrou em colapso e tornou-se impossível escrever.

E também por que não aconteceu nada de interessante que despertasse a minha criatividade.

E também por que comecei a jogar Mass Effect 2 e isso fez com que minha vida inteira se resuma a explorar planetas e xavecar a Miranda.

E estou em provas na facul...


Tá.. Desculpas é o que não falta (achou que o “mil desculpas” era expressão de linguagem, né?), mas acontece que há exatamente 2 horas a inspiração me atingiu como um raio (ou um cocô de pombo): falemos de Game of thrones (ou “guerra dos tronos”) um dos meus livros favoritos (deve estar disputando a primeira colocação) e (quem sabe) a melhor série desse ano!

DEUSES! Quantos parênteses em um só parágrafo. Estou divagando muito. Prometo que não vou usar mais parênteses (nesse texto).


DROGA!


 

“A guerra dos tronos” é o primeiro livro de uma série que só agora começou a ser lançada aqui em terras tupiniquins, mas que já existe desde 96. A série se chama “Crônicas de gelo e fogo”, de autoria de George R.R. Martin.

Aqui no Brasil a história ainda está no segundo volume, “A fúria dos reis”, e ainda está em lançamento nos estates. Entretanto cada volume daqui engloba dois volumes do original, ou mais ou menos isso. Assim sendo, logo logo a gente se aproxima dos lançamentos americanos.

A história se passa no reino de Westeros, uma terra baseada na Europa medieval com uma pitada de magia, se foca na família Stark, a família responsável por tomar conta do norte do reino.

 

E acontece que nesse reino tem muita bagunça acontecendo: uma família poderosa conspira para tomar o trono, herdeiros do rei antigo assassinado juntam um exército para tomar o poder de volta; o verão está no fim e um inverno que promete durar décadas se aproxima; e pra rechear há uma ameaça sombria nos limites gélidos do norte do reino.

E no meio dessa confusão o Rei Robert pede ao seu velho e relutante amigo, Eddard, chefe da casa Stark, para que vá para o sul e o ajude a reinar.

 

A partir daí nos é jogado na cara uma história complexa cheia de intrigas, reviravoltas e todas essas coisas boas que te fazem vibrar a cada página.

É importante ressaltar que, apesar de eu dizer que a história gira em torno dos Stark, ela não é exclusivamente sobre eles. Cada capítulo do livro é contado a partir do ponto de vista de um personagem. Há capítulos onde acompanhamos o nobre Eddard Stark e seu esforço para resistir a maldade de se ter o poder; em outros momentos acompanhamos Tyrion, o irmão anão da rainha, e suas tramóias.

Isso gera um efeito interessante. Por exemplo, vamos supor que tem um personagem X que todos dizem que é malvado. Em todos os capítulos as pessoas vão pensando “Pô... Esse cara não presta. Ele é do mal...” e você acredita. Até que a história passa pro ponto de vista desse X e ele está meio “Ué... O que eu fiz pra todos me odiarem?”. A constante mudança de foco da história consegue criar reviravoltas muito legais.

 

E pra você que torce o nariz pra histórias fantasiosas, tenho boas notícias. Sim, esse livro contém elementos de magia e místico, mas apenas levemente. Enquanto em outros a magia é parte integrante da história, aqui ela é apenas pano de fundo. O foco se dá totalmente nas pessoas e na “política”. Há magia, mas você até vai esquecer que tem.

Eu queria falar mais sobre o livro, mas provavelmente eu iria acabar dando spoiler, e estragar a história dessa obra prima seria um crime.

O tamanho do livro pode assustar, com suas seiscentas e poucas páginas, mas você vai ficar tão grudado no livro que vai devorar ele em pouco tempo. Quando eu estava lendo, era comum eu ir dormir quase 4 da manhã por que eu não conseguia parar de ler. “Calma... Daqui a pouco eu durmo... Só quero saber o que aconteceu com o Jon...”

Então faça um favor a você mesmo e vá ler esse livro que garanto que você não vai se arrepender.


AH! Não é chegado em ler é?

Não seja por isso...



Ontem mesmo estreou lá na AMERICA FUCK YEAH a série baseada nessa incrível saga. Mas não se aflija, pois ela estréia na HBO aqui dia 8 de maio, se não me engano.

Como se vocês não fossem baixar os episódios pela internet de qualquer jeito né? Seus sem-vergonha.

Tudo bem que eu baixei o primeiro episódio, mas é por que eu sou uma fã histérica e não conseguia agüentar até maio. Mas de qualquer jeito eu vou assistir na TV E gravar pra reassistir.

Só pelo fato de eu dizer que mesmo baixando eu vou continuar assistindo na TV demonstra o quanto eu gostei, não é verdade?

DAMM RIGHT!

Essa série está muuuito boa! Está muito fiel ao livro, o que era esperado já que o próprio autor supervisionou as filmagens e o cara além de escritor é roteirista de série.

Se o cara, que é um roteirista, já criou um livro magnífico, imagina o que o cara faz botando a mão numa série... E não só “uma série”, mas sim “uma série da HBO”, com todo aquele ar de super produção.



Essa série promete! Ela tem de tudo: o clima sombrio do livro; bons atores, como o eterno Boromir no papel de Eddard; boa direção; sexo, gente nua, sangue, cadávers, sexo e mais sexo. Oras... Trata-se de uma série da HBO né?


Então é isso aí. Leiam o livro, assistam a série, e se preparem:


O inverno está chegando!

Tenham um bom dia!



E qualquer outro dia falo sobre minha outra série de livros favorita, que também merecia uma série de TV.

2 comentários:

  1. eu realmente vou assistir essa série,
    você realmente me convenceu.

    eu não sou um cara que gosta de livros(ainda mais gigantescos) por isso não tenho nenhuma sugestão de livro.
    Mas eu gosto de HQs e cara eu sou um grande fã da série The Walking Dead,e quando eu soube que iria ser lançado na televisão como série eu quase chorei feito aquelas fãs putinhas.

    comentário grande e sem propósito o meu,....no final das contas eu só queria falar sobre TWD tbm......foda-se.

    ResponderExcluir
  2. o livro é fenomenal e ja estou quase pegando o segundo com um amigo. "The Winter is Coming"

    ResponderExcluir